quarta-feira, 22 de outubro de 2008

Interruptor
Adriana Franco

Pare, de uma vez por todas,
de apagar e acender
toda a minha atenção.

2 comentários:

[Priscila Roque] disse...

Adorei o poeminha! Tem um toque de Haicai, não tem?
Também escrevi um textinho sobre o bendito interruptor :) E quando ele não é fonte inspiração, não é?
Beijo grande!!

Menina com uma flor disse...

Pri, foi JUSTAMENTE por causa do seu texto que saiu esse haicaizinho.
beijos