quinta-feira, 25 de setembro de 2008

Sobre BH 2: a cidade

* não tem menino de rua pedindo esmola.

* Você não consegue pegar a próxima rua e retornar. Se o fizer, vai se perder - invariavelmente.

* A cidade tem tanto verde, que o ar é mais limpo e puro.

* Não há indicações (raras as exceções) para ruas. Apenas para bairros.

* A gente sabe andar em BH. Quer dizer, só não me peça para andar dentro do bairro.

* Os policiais de BH devem ser os que mais falam ao telefone. Constatado.

2 comentários:

[Priscila Roque] disse...

Amo, amo, amo, BH :)
Dá vontade de deitar no coreto da Praça da Liberdade e não sair nunca mais de lá!
Beijo grande!

Menina com uma flor disse...

BH é tudo. E eu amei tanto que quero voltar logo. Aliás, a volta já está agendada.
Beijos