sexta-feira, 30 de novembro de 2007

Virando a folhinha

A semana foi agitada. Semana de cobertura de seminário e desde terça-feira que eu só faço correr e me esforçar. Isso, claro, me fez sumir daqui.
Como estava desacostumada com o ritmo e com horários no começo foi difícil, mas hoje ainda estou firme forte próxima do horário da meia noite. E o final de semana promete muito trabalho, que deve render pra semana inteira (mas espero conseguir terminar antes).
Eu odiei algumas coisas como os erros de português, ter que ouvir certas coisas que são de doer e ter que anotar falas totalmente descabidas do contexto e pior descabidas e sem sentido até pelo que estava sendo dito; odiei ser vítima da inveja e sofrer com o quebrante, mas amei tantas outras coisas. Amo sempre voltar à equipe da qual já fiz parte e ser muito bem recebida; amei aprender e ouvir pessoas competentíssimas nos debates sobre o trabalho decente, responsabilidade social empresarial e trabalho escravo; amei a cervejinha no final de tudo; amei ser chamada para fazer parte de outra parte; amei dividir momentos; amei aprender mais sobre o jornalismo, sobre organização, sobre as pessoas, sobre o mundo e, no final das contas, sobre mim mesmo.
Porque a gente vai crescendo e a vida se encarrega de nos mostrar quais são realmente os caminhos certos que devemos seguir. E bora pros 25 que só faltam 15 dias.

Um comentário:

Chel disse...

é isso aí Dri .. mtas coisas q faço tb me custam a alma. sofro, quero mandar tudo e todos à merda mas a força e a vontade sempre superam esse desejo vingativo e no fim, sempre aprendemos boas lições. ter esta percepção é o que mais vale a pena.

bem vinda aos 25 .. idade mais reflexiva que esta, nunca vi. =)